QNAP Systems, Inc. - armazenamento ligado em rede (NAS)

Language

Support

Como juntar um QNAP Turbo NAS a uma rede VPN?

Uma rede privada virtual (VPN) estende uma rede privada através da Internet. Ela permite que os dispositivos enviem e recebam dados através de redes compartilhadas ou públicas como se estivessem conectados diretamente à rede privada com os altas políticas de segurança e gerenciamento da rede privada.

O QNAP Turbo NAS fornece o serviço de cliente VPN, que pode conectar a um servidor VPN via PPTP ou OpenVPN para estabelecer uma conexão segura e acessar remotamente a rede privada. O Turbo NAS também suporta a gravação de múltiplas configurações de VPN permitindo alternar facilmente entre diferentes conexões.

Configurando o serviço cliente VPN

Siga as instruções abaixo para a primeira configuração o serviço cliente VPN no Turbo NAS.

  1. Antes de você começar.
  2. Conecte um servidor VPN via PPTP.
  3. Conecte um servidor VPN via OpenVPN.

1. Antes de você começar

Antes de iniciar o serviço cliente VPN, verifique se o seu Turbo NAS foi definido como se segue:

  1. A conexão de Internet está normal.
  2. Sua versão QTS é 4.1.2 ou posterior.
  3. Se você tem um serviço de servidor VPN ativo, será necessário desativá-lo. Os serviços de cliente e servidor não podem ser executados ao mesmo tempo.

2. Conecte um Servidor VPN via PPTP

O Protocolo de Túnel Ponto a Ponto (PPTP) é um método comumente usado para a implementação de VPN e é suportado pela maioria dos clientes, incluindo Windows, Mac OS X, Linux e dispositivos móveis.

Vá em "Painel de Controle" e clique em "Cliente VPN".

Clique em "Adicionar" e escolha "PPTP" para conectar a um servidor VPN.

insira as definições de configuração de conexão, incluindo o nome do perfil, endereço do servidor (que você deseja conectar), e o nome de usuário e senha do servidor VPN.

Escolha qualquer um dos seguintes mecanismos de autenticação a partir do menu "Autenticação" para proteger a senha do cliente VPN durante a autenticação:

  • MS-CHAPv2: A senha será criptografada usando Microsoft CHAP versão 2.
  • MS-CHAP: A senha será criptografada usando Microsoft CHAP versão 1.
  • PAP: A senha não será criptografada.
  • CHAP: A senha será criptografada usando CHAP.

Se você escolher MS-CHAP ou MS-CHAPv2, vá para o menu "Criptografia" e selecione uma opção:

  • Nenhum:A conexão VPN não será criptografada.
  • Médio (AES 40/128 bit):A conexão VPN é criptografada utilizando uma chave de 40 bits ou 128 bits.
  • Alto (AES 256 bit):A conexão VPN é criptografada utilizando uma chave de 256 bits (a mais alta possível).

Marque as caixas de seleção seguintes, dependendo de suas configurações:

  • Usar o gateway padrão na rede remota: Isto permitirá que todos os pacotes sejam transferidos por meio do servidor VPN.
  • Permitir que outros dispositivos de rede se conectem a VPN por meio do NAS Isto permitirá que os dispositivos de rede na mesma LAN com o NAS conectem-se ao mesmo VPN.
  • Reconectar quando a conexão VPN é perdida: Isto irá reconectar automaticamente ao servidor VPN quando a conexão for perdida.

Selecione "Conectar" para iniciar.

Observe:
Se você marcar "Usar o gateway padrão na rede remota", o gateway padrão no seu Turbo NAS irá mudar para o gateway padrão do servidor VPN.

Se você marcar "Permitir que outros dispositivos de rede se conectem à VPN através do NAS", você deve alterar o gateway padrão em que outro dispositivo. Usando um PC Windows como exemplo:

Vá em "Painel de Controle"> "Rede de um Centro de Compartilhamento"> "Alterar configurações do adaptador"

Clique com o botão direito do mouse sobre o ícone de conexão e escolha "Propriedades"

Selecione "Protocolo de Internet Versão 4 (TCP/IP) e clique em "Propriedades".

Escolha "Usar o seguinte endereço de IP" e altere o gateway padrão para o endereço de IP no Turbo NAS operando o serviço cliente VPN (neste caso, é 192.168.1.14) e clique em "OK".

3. Conecte um Servidor VPN via OpenVPN

O Turbo NAS também suporta OpenVPN, que é uma solução de código aberto para serviços de VPN. Ele protege a conexão de um VPN com o mecanismo de criptografia SSL/TLS. Ele também está disponível no Windows, Mac OS X, Linux, Android e iOS.

Vá em "Cliente VPN", clique em "Adicionar" e escolha "OpenVPN" para se conectar a um servidor VPN.

insira as definições de configuração de conexão, incluindo o nome do perfil, endereço do servidor (que você deseja conectar), e o nome de usuário e senha do servidor VPN. Escolha a mesma configuração que o servidor OpenVPN em "Porta do Servidor". Clique em "Certificação" para importar o certificado (ca.crt) exportado do servidor OpenVPN. Marque as caixas de seleção seguintes, dependendo de suas configurações:

  • Ativar o link VPN comprimido: Isto irá comprimir os dados antes de transferir via VPN.
  • Usar o gateway padrão na rede remota: Isto permitirá que todos os pacotes sejam transferidos por meio do servidor VPN.
  • Permitir que outros dispositivos de rede se conectem a VPN por meio do NAS Isto permitirá que os dispositivos de rede na mesma LAN com o NAS conectem-se ao mesmo VPN.
  • Reconectar quando a conexão VPN é perdida: Isto irá reconectar automaticamente ao servidor VPN quando a conexão for perdida.

Clique em "Conectar" para iniciar.

Se você marcar "Usar o gateway padrão na rede remota", o gateway padrão no seu Turbo NAS irá mudar para o gateway padrão do servidor VPN.

Se você marcar "Permitir que outros dispositivos de rede se conectem à VPN através do NAS", você deve alterar o gateway padrão em que outro dispositivo. Por favor, consulte o tutorial acima para mais detalhes.

Data de lançamento: 2014-12-22
Foi útil?
Obrigado por seu retorno.
Obrigado por seu retorno. Se você tiver qualquer dúvida, contate support@qnap.com
38% das pessoas acham que foi útil.